Após nova rodada de investimento, uma fintech vale mais do que a Klabin

Com a recente rodada de investimentos de 319 milhões de dólares, a empresa de tecnologia TransferWise atingiu 5 bilhões de dólares em valor de mercado. O número é 43% maior do que o registrado em 2019 e supera, inclusive, o valor de mercado da fabricante de papel e celulose Klabin, de 4,56 bilhões de dólares.

Ao todo, a fintech já captou mais de 1 bilhão de dólares em ofertas de ações primárias e secundárias. A nova rodada de investimento foi liderada pela Lone Pine Capital e pelo novo investidor D1 Capital Partners. Também participaram a Vulcan Capital, Baillie Gifford, Fidelity Investments e LocalGlobe. 

“Foi um investimento às avessas, pois não houve entrada de dinheiro na empresa. Na verdade, a nossa operação dá lucro há três anos. O que fizemos é possibilitar que alguns investidores e funcionários vendessem suas ações e tivessem liquidez”, afirma Heloísa Sirota, diretora-geral da companhia para o país. “Nenhum investidor, no entanto, saiu na íntegra, o saldo foi a entrada de mais investidores.” Com esse porte, é inevitável perguntar sobre uma possível oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), ao que Sirota responde que não está nos planos atuais da companhia.

No momento, a operação brasileira da TransferWise aguarda uma auditoria pré-operacional do Banco Central para virar a chave e começar a operar como corretora de câmbio. A licença foi concedida pela autarquia no mês passado, mas ainda precisa cumprir essa última etapa para iniciar a operação.

“Também estamos ansiosos com a entrada em vigor do PIX, pois as transferências têm custo para alguns clientes e só são realizadas durante a semana. Com o PIX, o processo vai ser mais rápido e com custo menor.”

The post Após nova rodada de investimento, uma fintech vale mais do que a Klabin appeared first on Exame.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *