Sedutor do TikTok acumula pedidos de publicidade e quer fazer ‘Malhação’

Nas últimas semanas, a introdução “Oi, meninas, tudo bom?” perdeu espaço para o meme “Oi… Letícia, né?”. A frase vem de um dos vídeos do tiktoker Mario Junior (@izmaario) — jovem de 20 anos que viu suas publicações viralizarem, sendo citadas por personalidades como Bruna Marquizine, Whindersson Nunes e Marcelo Adnet.

Mario produz vídeos no estilo point of view (ou POV), dando ao espectador a sensação de ter uma conversa direta com ele. No caso do tiktoker, o papo é centrado nas meninas: ele simula cenas românticas em que flerta, consola ou chama seguidoras para jantar.

Estourado nas redes há cerca de duas semanas, Mario teve sua base de seguidores multiplicada. No TikTok – rede social na qual os vídeos são publicados –, ele passou a ser seguido por 500.000 novos usuários. No Instagram, foram mais de 200 mil.

@lzmaarioPov: te encontro nos corredores do colégio você é aluna nova ##fyp ##pravoce♬ Death Bed – sleep.ing

“No início, a repercussão foi mais negativa por não entenderem o propósito dos vídeos”, diz Mario, em entrevista a EXAME. “Quando começaram a compreender a ideia e o público-alvo, muitos dos que não gostavam de mim passaram a gostar.”

Segundo o influenciador, seu propósito é transmitir amor e comédia. “Capto as pessoas pelo romantismo que coloco nos vídeos, e também pela comédia – não pensando em ser engraçado, mas para deixar o conteúdo mais leve.”

Uma nova geração

O sucesso de Mario suscitou uma série de discussões sobre o envelhecimento da geração millennial (hoje com 26 a 40 anos), que acessa menos o TikTok, e o crescimento da geração Z (10 a 25 anos). Tratam-se de dois grupos de comportamentos distintos, e que se comunicam por meio de redes sociais diferentes.

Mario definia seu público-alvo como pessoas de 13 a 17 anos, mas sua maior fonte de críticas vem de usuários da geração anterior nas redes sociais. “Antes de viralizar, eu pensava que meu público era adolescente, mas tenho recebido feedback de pessoas mais velhas”, diz o influenciador. “Fiquei surpreso, porque não pensava que iria captar a atenção deste público.”

Para ele, seus seguidores se dividem em dois perfis: aqueles que acham seus vídeos engraçados, e aqueles que se sentem tocados pelos galanteios.

Publicidade

Este poder de comunicação com uma nova geração de consumidores tem chamado a atenção de marcas. Segundo Mario, desde que começou a ficar conhecido ele acumula mais de 50 pedidos de publicidade e cinema – 80% deles voltados a marketing em diversas plataformas.

Mario não revela que empresas o abordaram, mas afirma que são de grande porte e de setores variados, como tecnologia, comunicação e alimentos. “A maioria dos pedidos é voltada para ações de publicidade mais longas, para fechar contrato de garoto-propaganda”, diz o jovem, que estuda as propostas com o apoio de sua empresária e de sua assessora.

Ele diz não saber a real intenção das marcas em querer associar suas imagens à dele. “Acredito que a maioria queira atingir um público mais amplo. Mas depende muito da marca, e do que é proposto. Não sei dizer se a marca pensa em atingir a geração mais jovem.”

Em uma publicação informal, sem render um contrato com o influenciador, a Netflix associou sua marca ao jovem.

Noah Centineo que se cuide… pic.twitter.com/DvGFndyg5L

— netflixbrasil (@NetflixBrasil) June 24, 2020

Planos para o futuro

Nascido em São Paulo, Mario foi criado em Florianópolis, onde cursou um ano de jornalismo antes de se mudar para a casa de uma tia, na região metropolitana de Bristol, no Reino Unido. Há dois anos morando fora, ele trabalha atualmente em um hotel.

O plano, com a fama repentina, é ir para a televisão. “Quero ser ator, trabalhar na ‘Malhação’, fazer séries e filmes. Era um sonho distante, mas que voltou com muita força”, diz o influenciador, que ainda não estudou teatro, mas quer dar início à nova formação.

A ideia, por enquanto, é concentrar nos vídeos – e sem muita pressão, para que os posts mantenham o estilo atual. “Penso que a fama pode ser passageira, mas estou deixando acontecer naturalmente, sem me cobrar muito, seguindo dia após dia.”

The post Sedutor do TikTok acumula pedidos de publicidade e quer fazer ‘Malhação’ appeared first on Exame.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *