SP prevê volta às aulas em 8 de setembro, com rodízio de alunos

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta quarta-feira, 24, que o retorno das aulas presenciais no estado está previsto para começar gradualmente a partir de 8 de setembro. 

O protocolo vale para educação municipal, estadual, mas também deve ser seguido pelas escolas privadas. Todas as etapas, da creche ao ensino superior, devem garantir o cumprimento das regras, assim como a educação complementar, como as escolas de inglês.

Inicialmente, as escolas deverão fazer um rodízio de estudantes, em uma modalidade chamada de ensino híbrido, quando parte do conteúdo é ministrado presencialmente e outra parte à distância.

A capacidade dos alunos nas unidades começará em 35% na primeira fase, 70% na segunda e 100% na terceira. Cada unidade educacional terá autonomia para definir quais turmas retornarão primeiro, cumprindo a capacidade máxima determinada por etapa.

Segundo o governador, no entanto, as unidades escolares só poderão reabrir de fato se todas as 18 regiões de saúde do estado estiverem na fase amarela do plano São Paulo por ao menos os 28 dias anteriores.

Atualmente, não há nenhuma região nessa fase de flexibilização das medidas de isolamento social. A confirmação de que as aulas poderão voltar só acontecerá em 4 de setembro.

Uma preocupação compartilhada é o retorno rápido da educação fundamental, para evitar demissão em massa principalmente de mães que precisam cuidar de seus filhos pequenos e já estão voltando presencialmente ao trabalho.

Para o retorno, diversos protocolos foram desenvolvidos, com base em experiências internacionais (veja mais no fim da reportagem). “Respeitar o distanciamento de 1,5 metro é a regra de ouro para a volta. Ela vale para todas as redes e o uso de máscara será obrigatório”, informou o secretário de Educação, Rossieli Soares.

Desde o início de março, quando a pandemia do novo coronavírus forçou o fechamento das escolas, os alunos da rede estadual estão acompanhando o conteúdo à distância, por meio de transmissão via televisão e no aplicativo Centro de Mídias SP (CMSP).

O retorno às aulas é um dos processos mais delicados para as autoridades. Só em São Paulo, são cinco mil unidades escolares, que atendem um contingente de 13 milhões de estudantes.

Será necessário desenvolver uma série de estratégias para avaliar o impacto educacional nesse período de isolamento. A equipe do governo paulista já antecipou que avalia a possibilidade da criação de um 4º ano opcional do Ensino Médio.

“Temos visto estudantes que querem mais tempo para se preparar para o vestibular. E nós vamos trabalhar para que, havendo vagas, estes jovens possam continuar estudando”, disse Rossieli.

O governo definiu ainda três frentes estruturantes para o retorno das aulas: acolhimento socioemocional, recuperação e aprofundamento da aprendizagem e prevenção do abandono e evasão escolar.

Veja a seguir as principais regras que devem ser adotadas

  • Distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas, exceto na educação infantil
  • Recomendável adotar ensino remoto combinado ao retorno gradual
  • Organizar horários de entrada e saída para evitar aglomerações
  • Feiras, palestras, seminários, competições e campeonatos esportivos estão proibidos
  • Intervalos e recreios devem ser feitos com revezamento
  • Educação física e artes devem ser feitas com o distanciamento e ao ar livre
  • Higienizar frequentemente as mãos com água, sabão ou álcool em gel
  • Uso obrigatório de máscara, inclusive no transporte escolar
  • Disponibilizar EPIs para os funcionários
  • Fornecer água potável de modo individualizado
  • Não permitir a permanência de pessoas sintomáticas para covid-19 na instituição de ensino
  • Quem tiver temperatura acima de 37,5 graus, a recomendação é ficar em casa
  • Recomendação para as instituições aferirem temperatura das pessoas na entrada
  • Profissionais e alunos que fazem parte de grupos de risco, devem ficar em casa
  • Separar uma sala ou área para isolar pessoas que apresentem sintomas

The post SP prevê volta às aulas em 8 de setembro, com rodízio de alunos appeared first on Exame.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *