Em evento virtual, pequenas empresas poderão exportar bebidas e alimentos

Para estimular a exportação no segmento de pequenas e médias empresas, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Sebrae, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Apex-Brasil promovem na próxima semana uma rodada internacional de negócios do setor de alimentos e bebidas. 

As empresas brasileiras poderão se conectar com compradores de toda a América Latina, além dos Estados Unidos, Índia, Emirados Árabes e Canadá. Por causa da pandemia de coronavírus, o evento acontecerá de forma totalmente virtual. Já são mais de 500 empresas registradas, das quais 240 foram aprovadas, e 90 compradores.

As inscrições vão até o dia 19 pelo site. O programa avalia as empresas selecionadas de acordo com sua capacidade de exportação e grau de correspondência com as demandas requisitadas pelos compradores. 

Pandemia pode ser oportunidade

O evento surgiu a partir da plataforma ConnectAmericas, desenvolvida pelo BID há seis anos e meio para conectar pequenas e médias empresas e ajudá-las a exportar. O objetivo é fomentar os investimentos internacionais e o comércio exterior nos países da América Latina e do Caribe. Hoje, já são mais de 6 milhões de usuários de mais de 200 países. 

“Com a pandemia, temos intensificado as rodadas virtuais de negócios e acreditamos que é o início de uma série importante que queremos fazer para as PMEs brasileiras”, diz Fabrizio Opertti, gerente de integração e comércio do BID, em entrevista à EXAME.

Nesse momento de crise, em que as exportações agrícolas brasileiras crescem, há uma oportunidade para as pequenas e médias empresas do setor. “Não somente commodities, mas alimentos de valor agregado, como snacks saudáveis, frutas congeladas e superalimentos. A demanda existe, o desafio é justamente fazer as rodadas virtualmente, sem o contato físico que gera confiança”, diz Opertti.

As micro, pequenas e médias empresas já desempenham um papel importante nas exportações nacionais. Segundo o Sebrae, em 2019 elas representaram 70% das empresas exportadoras brasileiras, especialmente na indústria. A expectativa é que, com os eventos virtuais, esse número aumente.

The post Em evento virtual, pequenas empresas poderão exportar bebidas e alimentos appeared first on Exame.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *